Rede CBN festeja 25 anos com programação especial

A rádio comemorou seus 25 anos no sábado, dia 1º de outubro, fazendo o que mais gosta: tocar notícia.

Uma programação especial celebrará a trajetória da emissora, reunindo alguns dos profissionais que ajudaram a escrever essa história até aqui. Entre 6h e 9h, Milton Jung apresentará uma edição especial do “Jornal da CBN”, recebendo no estúdio os comentaristas Max Gehringer, Kennedy Alencar, Lourival Sant’Anna e Ethevaldo Siqueira. Caberá também ao âncora anunciar os vencedores da oitava edição do Prêmio CBN de Jornalismo Universitário, que este ano recebeu um número recorde de inscrições.

A partir de 9h, dois programas especiais, com plateia, foram apresentados diretamente do Teatro Eva Herz, na Livraria Cultura do Conjunto Nacional, em São Paulo. Primeiro, Fabíola Cidral e Petria Chaves conversarão com Marcelo Tás, no “Caminhos Alternativos”. Logo depois do Repórter CBN de 9h30, o trio Débora Freitas, Mara Luquet e Alexandre Kalache receberá como convidados Carlos Alberto Sardenberg e Helô Pinheiro.

Entre 12h e 15h, logo depois dos programas locais, o “Revista CBN”, com Petria Chaves, vai entrevistar o publicitário Nizan Guanaes, que criou o slogan “A rádio que toca notícia”. Estarão também no estúdio os comentaristas João Gabriel Santana de Lima e Diego Escosteguy, da revista “Época”. A partir de 15h, a equipe de esportes estará em campo para uma rodada completa do Campeonato Brasileiro. E o dia vai terminar na companhia de Tania Morales, com o “CBN Noite Total”. A âncora terá como convidado no estúdio o jornalista, escritor e professor Eugênio Bucci, colunista da “Época” e de “O Estado de S. Paulo”, autor de livros consagrados como “A imprensa e o dever da liberdade”, “Em Brasília, 19h: a guerra entre a chapa branca e o direito à informação no primeiro Governo Lula” e “Jornalismo Sitiado”. A maratona vai prosseguir no dia seguinte, com a cobertura das eleições municipais. É a sina de uma rádio que nasceu para tocar notícia.